A Funimation incentiva os assinantes a criar uma conta Crunchyroll à medida que os dois streamers de anime consolidam seu conteúdo em uma única plataforma.

Conforme detalhado no blog da Funimation, toda a seleção de streaming de animescom pouco mais de 800 títulos, incluindo séries anteriormente exclusivas como The Devil is a Part-Timer e Kaguya-sama: Love is War, estarão agora disponíveis na plataforma de streaming de animes da Crunchyroll.

Uma data final para o serviço de streaming da Funimation ainda não foi anunciada, mas a empresa está sugerindo que todos os seus assinantes criem uma conta Crunchyroll.

Vamos explicar melhor o motivo dessa união.

A Funimation foi fundada em 1994 e se tornou uma das maiores empresas de stream de animes nas Américas. Em 2017, foi comprada pelo conglomerado de tecnologia japonês Sony e transformada em uma divisão da Sony Pictures. Em 2021, a Sony comprou o Crunchyroll, um dos maiores serviços de streaming de anime do mundo, que possui mais de 5 milhões de assinantes pagos e 120 milhões de usuários registrados, por US$ 1,1 bilhão.

Crunchyroll era anteriormente propriedade da WarnerMedia e sua empresa-mãe, AT&T. A venda foi criticada por alguns da imprensa e da indústria de anime, que temiam que a Sony estivesse recebendo um nível monopolista de controle sobre o mercado de streaming de anime.

Muitos especularam que a Sony fundiria os serviços de streaming das duas empresas após a compra da Crunchyroll, mas até hoje, as duas plataformas continuaram a operar independentemente uma da outra. Agora parece que a Sony finalmente começou a consolidar todo o seu conteúdo de anime sob a marca Crunchyroll.

Crunchyroll x funimation
Crunchyroll x funimation

Na declaração oficial postada em seu site, um representante da Funimation escreveu: “Como Crunchyroll e Funimation entram nesta nova era juntos, não poderíamos estar mais animados em reunir uma comunidade vibrante de fãs, criadores e artistas de anime. Obrigado. por levar o anime para o próximo nível conosco!”

O Crunchyroll foi fundado em 2006 e originalmente transmitia conteúdo não licenciado e legendado por fãs. A empresa começou a licenciar séries de anime como Naruto em 2008 e, desde então, ofereceu apenas fluxos legais e oficialmente autorizados de mais de mil títulos.

Vencedores do Crunchyroll Anime Awards 2022
Vencedores do Crunchyroll Anime Awards 2022

A empresa se expandiu para financiar e produzir sua própria série, como Fena: Pirate Princess de 2021 e o recém-lançado Shenmue: The Animation, e agora hospeda sua própria convenção anual de anime, Crunchyroll Expo e a premiação Crunchyroll Anime Awards que por meio da votação online do publico é eleito os melhores animes do ano em diversas categorias e que a cada ano vem se tornando cada vez mais importante.