Em 2021 foi lançada a primeira temporada da adaptação do mangá de Ken Wakui, o anime Tokyo Revengers logo ganhou destaque, principalmente com o público brasileiro sendo classificado como um dos melhores da temporada. O anime gira em torno da história de Takemichi Hanagaki, um homem de 26 anos que não conseguiu sucesso financeiramente, em relações amorosas nem socialmente. Depois de um dia de trabalho no mercado, ao chegar em casa e assistir TV, se depara com a notícia que a sua namorada de infância tinha sido morta num acidente envolvendo gangues de Tokyo.

Takemichi e Hna
Takemichi e Hina

Ao ver essa notícia ficou abalado e reflexivo, quando estava em uma estação de trem, foi empurrado nos trilhos e prestes a ser atropelado pelo trem, ele viaja 12 anos no passado, voltando para sua época de escola, ele então vê a possibilidade de salvar a vida do seu grande amor. Ao decorrer da história ele descobre que viaja no tempo com auxílio do irmão de Hina. Naoto, seu cunhado, no futuro torna-se policial e procura Takemichi para ajudá-lo a salvar sua irmã, ao apertarem as mãos, Takemichi viaja 12 anos para o passado.

O protagonista vive novamente situações do seu passado e tenta mudar o que aconteceu para que o futuro também seja mudado, mas em todas viagens no tempo algo dá errado, e consequentemente não consegue salvar Hina, quando ele consegue mudar o destino de sua amada, ele acaba vendo algum amigo morrendo em resultado de suas ações.

Em seus inúmeros saltos temporais, Takemichi se vê obrigado a entrar em gangues juvenis para salvar os amigos que ama, então ele entra para Toman (Tokyo Manji), e se torna amigo do líder do bando Mikey e seu melhor amigo Draken, além de outros personagens que aparecem ao longo da história.

A obra torna-se bastante inovadora pois atrela duas temáticas distintas: viagens no tempo e gangues.  Diferente da maioria dos animes que fazem muito sucesso, este não é repleto de super-poderes, única habilidade fora do comum é a viagem no tempo, eles são seres humano normais, que entram em diversos problemas por formar uma gangue e enfrentar gangues rivais.

A viagem no tempo de Takemichi segue algumas regras:

  • Ele viaja 12 anos no passado, do momento em que ele apertar a mão de Naoto ele volta exatamente no mesmo dia 12 anos atrás;
  • Ele só viaja para o passado;
  • O que ele alterar no passado, mesmo que não seja o que ele queria, permanece;
  • Se alguém morrer neste período, no futuro quando Takemichi voltar a pessoa continuará morta.

Arcos do anime:

A primeira temporada apresentada contou com 24 episódios em 3 arcos.

  • Arco Toman: São os primeiros 5 episódios onde Takemichi viaja no tempo a primeira vez, é importante frisar que a história gira em torno da gangue Moji de Tokyo (Toman), já que Takemichi acaba se tornando membro no desenrolar da história.
  • Arco Moebius: Este arco vai do episódio 6 ao episódio 12, onde Takemichi tenta evitar a morte de Draken.
  • Arco Valhalla: Vai do episódio 13 ao 24, onde é contado a origem e o desenvolvimento da Toman, e a grande batalha no ferro velho.

Arcos do mangá que ainda serão adaptados:

  • Arco Dragões Negros: este encontra-se do capítulo 78 ao 121 do mangá, conta sobre um confronto interno da Toman, e o desencadeamento deste conflito entre irmãos.
  • Arco Tenjiku: Vai do capítulo 122 até o 186, neste arco é possível ver a notoriedade de Takemichi como um dos líderes da Toman, é narrada a história de outro irmão de Mikey que quer matá-lo.
  • Arco Boten: Este vai do capítulo 189 ao 206 do mangá, depois da vitória contra Kisaki, Takemichi volta para o presente para realizar os sonhos pelos quais lutava… mas…
  • Arco final: Vai do capítulo 207 até o momento… este arco mostra Takemichi no presente tentando tirar seu amigo Mikey da vida que ele levava, sem sucesso na tentativa de salvar seu amigo, ele volta ao passado em busca de solucionar os problemas, mas de uma forma diferente.